270 estudantes de todo o estado, matriculados tanto na rede privada quanto na pública, participam neste sábado da última e mais importante tarefa da competição; eles terão o suporte de desenvolvedores de software, designers e outros profissionais relacionados à área de programação; iniciativa tem apoio do Grupo ND

Florianópolis, 20.11.2021 - A Escola S, rede de educação básica integrada por SESI e SENAI, e o Grupo ND realizaram neste sábado (20) o último desafio do Hackathon do Conhecimento. Sustentabilidade e entraves à competitividade do setor industrial são o foco da competição que desafia estudantes com idade a partir dos 13 anos matriculados em escolas catarinenses, tanto da rede privada, quanto da rede pública. A imersão de seis horas promovida neste sábado (20) foi o último desafio do Hackathon e trata-se da maior pontuação da competição. 

>> Veja como foi.  

O Hackathon do Conhecimento, segundo o diretor de educação e tecnologia da FIESC, Fabrizio Machado Pereira, tem como objetivo estimular a aprendizagem, a criatividade e o trabalho em equipe para resolução de problemas. “O projeto está alicerçado em quatro pilares: cultura maker, engajamento entre equipes, comunidade open source e propósito social. Os participantes percorrem diversas etapas na construção de seus projetos, unindo teoria e prática, método que destaca a rede Escola S em Santa Catarina”, ressalta. A iniciativa é da rede de educação básica da FIESC, mas aberta à participação de toda a comunidade escolar, lembra Fabrizio. “Na nossa visão, a educação tem que ser priorizada em nosso país, sem ela não é possível trilhar os caminhos para o desenvolvimento do Brasil”, completa.

Participam do Hackathon 67 equipes, ou seja, 270 estudantes matriculados em escolas catarinenses, tanto da rede privada, quanto da rede pública. Mas a comunidade Hackathon é ainda maior, chegando a 2 mil pessoas, explica o gerente de educação básica e profissional do SESI e SENAI, Thiago Korb. “A participação no desafio não está restrita aos competidores. Colegas de sala, da escola, professores e familiares desses alunos acompanham de perto a evolução do desafio. Estamos envolvendo toda a comunidade escolar”, destaca.

As primeiras cinco equipes que finalizaram a tarefa deste sábado (20), receberam um par de ingressos para o Beto Carrero World. O resultado final do desafio será divulgado na quarta-feira, dia 24 de novembro, na ND TV. O projeto envolve premiação para os três primeiros colocados, tanto para alunos como para os professores tutores das equipes.


Assessoria de Imprensa
Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina - FIESC

Inscreva-se e receba semanalmente por e-mail as atualizações da indústria de Santa Catarina